Como escolher papel de parede

Como escolher papel de parede

O post de hoje não é um passo a passo, mas sim uma dica: vou explicar, em poucos passos, como escolher o papel de parede ideal para a sua casa 😀

Você já quis transformar um ambiente colocando um papel de parede bem bonito, mas teve dúvida na hora de escolher o modelo? O medo de errar te impediu de comprar? Não sabe se a estampa que você gostou vai ficar legal no espaço? Vem comigo que eu vou te dar dicas bem legais para você escolher o papel de parede ideal! 😉

Antes de tudo, se você tem dúvidas de como aplicar um papel de parede, clique na frase em destaque e veja essas instruções que encontrei! Achei elas bem completas! 😀

Agora vamos aos passos!

Passo 1 – Cores nas paredes

Como escolher papel de parede

Primeiramente, é importante ter o conhecimento dessa regra básica quanto a paredes: cores escuras “diminuem” o espaço, enquanto as cores claras “ampliam” visualmente o ambiente.

Assim, é importante definir que tipo de “sensação” você quer dar ao ambiente com o papel de parede: quer que ele ajude a “diminuir” o espaço ou a “aumentá-lo?”

Passo 2 – Tipos básicos de papéis

Como escolher papel de parede

Em segundo lugar, é importante analisar a questão das estampas que serão utilizadas no ambiente: normalmente, um papel de parede muito estampado, ou seja, bem preenchido com desenhos, é mais indicado para ambientes onde não costumamos ficar por muitas horas. Isso ocorre porque a estampa pode “cansar”, uma vez que ela traz uma sobrecarga visual.

Em contrapartida, um papel de parede menos estampado traz mais suavidade ao espaço, sendo então indicado para aqueles locais onde pretendemos relaxar ou mesmo nos concentrar, como o quarto ou home office, por exemplo.

Passo 3 – Defina seu estilo de papel de parede

Como escolher papel de parede
Fotos: Via

Em terceiro lugar, é hora de definir o estilo de estampa que você mais gosta! Clássica? Tropical? Geométrica? Abstrata? Romântica? Existem opções para todos os gostos! 😀

Mas a dica principal aqui é: depois de definir se você quer um papel que escureça ou clareie o ambiente, que seja muito ou pouco estampado, o ideal é ver agora se o papel de parede definido também vai combinar com o estilo do cômodo. Isso significa que é importante levar em consideração os móveis que você já possui no espaço, além dos objetos decorativos que estarão por lá.

Antes e depois

Só para ilustrar como um papel de parede pode fazer realmente a diferença em um ambiente, trouxe esse antes e depois de uma sala que também era home office de uma amiga minha. Fui eu quem fez e executou o projeto! 🙂

A fim de dar um charme a mais para a parede da TV, optei por aplicar um papel de parede em formato de tijolos brancos. O espaço não é grande, então a estampa não pesou e ainda deu um toque cheio de estilo ao ambiente.

Aliás, postei todo o processo de transformação desse home office lá no Instagram do Mania! 😀 Olha só:

Embora o plano inicial do projeto não era usar papel de parede no home office, acabou que ele foi a nossa melhor escolha! A parede da TV em questão estava com alguns problemas e, como o apartamento era alugado, optamos por colocar a estampa de tijolos, o que solucionou muitos dos nossos problemas com a parede, tampando várias imperfeições.

E ao mesmo tempo em que continuávamos não querendo “pesar” visualmente o ambiente, colocamos na outra parede uma pintura clara e em degradê de um cinza/roxo. Dessa forma, as duas paredes principais do home office deixaram de ficar brancas e ganharam vida 😀

Amei o resultado desse projeto! Ficou simples, porém bastante acessível!

Ah, e se acaso você quiser mais inspirações de paredes estampadas, clique aqui e dá uma olhada nesse post! <3

Gostaram das dicas? 😉 Espero que agora você não tenha mais dúvidas para escolher o papel de parede ideal para a sua casa! 😀

Beijos!